Categorias
Sem categoria

E de repente o vento levou

E de repente o vento levou. Tudo parece tão distante. Ansiava por este dia, mas de repente o vento levou. Passou tão rápido e tão melancólica. Tantos planos, mas para nada serviu. Terei eu uma terceira oportunidade? Pergunto eu, já sabendo resposta.

Por Geordias Carvalho

Há coisas que as palavras não se consegui transmitir, por isso escrevo. Escrevo para saciar a minha sede de palavras.

2 replies on “E de repente o vento levou”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.