Categorias
amor Bolhas Nostalgia Saudade Sonhos

Uma questão de tempo

Oh Gizela

Tenho medo! Ultimamente não durmo bem. E os sonos vão e vem; a cada piscar é contigo que sonho. É que receio não ser a pessoa ideal para ti. Receio que te sintas que te desapontei.

Oh Gizela!

Um homem também chora, na sua mais profunda escuridão há uma pessoa frágil e que precisa de uma mão compreensiva. As vezes quando o tempo não está de bem, penso que sou muito imperfeito para ti. Não é que eu queira ser essa pessoa, mas as vezes sem me dar conta faço-te sofrer.

Mas sei que um dia tornarei na pessoa ideal para ti, vejo nos teus olhos uma luz de esperança e essa luz que me faz querer dar tudo de mim. E de querer provar que nem tudo esta perdido. Enquanto essa luz continuar a brilhar nos teus olhos te seguirei até os confins do mundo.

Por Geordias Carvalho

Há coisas que as palavras não se consegui transmitir, por isso escrevo. Escrevo para saciar a minha sede de palavras.